Formulário de Busca

“Estamos isolados por irresponsabilidade da empresa CCL”, diz prefeito de Malhada

egundo ele, exames agendados há meses na Policlínica de Guanambi, foram desmarcados. “Paciente da hemodiálise está há mais de três dias sem realizar o procedimento”, disse ele.

Publicado em 07/dezembro/2018 - 07:52

Dezin

O prefeito de Malhada, Valdemar Lacerda Silva Filho (Dezin), concedeu entrevista na rádio Pontal FM, na manhã desta sexta-feira (7). O gestor discorreu sobre o bloqueio da BR-030, que completou 72 horas, nesta sexta-feira.

O prefeito afirmou ao radialista Jota Pinheiro, que em momento algum o representante da empresa CCL Engenheira Lucas Santos, procurou os secretários. “Estou indignado, estou avisado o representante da empresa que os municípios têm governantes”, disse Dezin.

O prefeito afirmou que os prejuízos provocados pela empresa nos últimos dias, são incalculáveis. Ele afirmou que são 100 mil habitantes isolados, nos municípios de Feira da Mata, Carinhanha e Malhada. “Se alguém morrer vou responsabilizar o engenheiro da empresa, vamos culpar São Pedro?”, concluiu.

De acordo com Dezin, os prejuízos contabilizados na área da saúde, no comércio e na produção de leite e frutas ultrapassam 500 mil reais. Segundo ele, exames agendados há meses na Policlínica de Guanambi, foram desmarcados. “Paciente da hemodiálise está há mais de três dias sem realizar o procedimento”, disse ele.

Dezin finalizou a entrevista pedido o empenho dos colegas dos municípios de Carinhanha e feira da Mata. “Precisamos ter união neste momento, não é só meu município o prejudicado”, finalizou.

O prefeito estava acompanhado dos secretários Luciano Dias Gomes e José Castor Castro de Abreu.

Redação www folhadovale.net

Edição:

Comentários

Fretamento

Eventos

“Natal Solidário” é realizado com sucesso em Malhada

“Estaremos entregando os brinquedos no dia 25 de dezembro, vamos alegrar aquelas crianças”, finalizou.

Enquete

Enquete: como você avalia a gestão do Prefeito Rômulo (PT) em Juvenília?






Resultado parcial

© 2010-2018 Folha do Vale - Todos os direitos reservados