Formulário de Busca

Jurados desclassificam crime de réu acusado de tentativa de homicídio em Carinhanha

Na decisão do Conselho de Sentença, por mais de 3 votos foi acolhida a tese de desistência voluntaria ventilada pela defesa.

Publicado em 15/março/2019 - 18:23
Plenário

O réu Wilson José Fernandes (Du Pé de Boi) foi condenado a pena de 1 ano, pelo Tribunal do Júri de Carinhanha, na manhã desta sexta-feira(15).Ele  foi acusado de tentar matar José Carlos Gonçalves (Zé Roxo),com um tiro de espingarda, no mês de janeiro de 1997,na cidade de Carinhanha, no oeste da Bahia.

O Ministério Público pediu a condenação do réu pelo cometimento do crime de tentativa de homicídio. Por outro lado, a defesa do acusado sustentou a tese de desclassificação do delito para o crime de lesão corporal, por desistência voluntária, a qual foi aceita pelo Conselho de Sentença.

Para o advogado Alekssander Rousseau Antônio Fernandes, após realizar o disparar o tiro contra Zé Roxo, o réu tinha um facão e poderia ter finalizado aquela ação, mas desistiu de forma espontânea. Os advogados auxiliares Gabriel Fernandes e Paulo Fernandes, também pediram para os jurados desclassificaram o crime para lesão corporal.

Na decisão do Conselho de Sentença, por mais de 3 votos foi acolhida a tese de desistência voluntaria ventilada pela defesa.

Um mutirão de júris aconteceu nos dias 11, 12, 13,14 e 14, com cinco casos de homicídio. As sessões foram presididas pelo magistrado Eldsamir da Silva Mascarenhas.

De acordo com o magistrado, no mês de junho será realizada mais uma edição do mutirão do júri, na Comarca de Carinhanha.

Redação www folhadovale.net

Edição:

Comentários

Fretamento

Eventos

Festejos de Santa Cruz em Malhada

Festejos de Santa Cruz em Malhada.

Enquete

CBR
© 2010-2018 Folha do Vale - Todos os direitos reservados